sexta-feira, 29 de abril de 2011

Felina



Basta!
Eu confesso
Chega de tanto disfarce
De tanta compostura
De tanta mancha
Pra encobrir o descoberto
Pra sufocar o gritado
Não quero você
Quero o prazer que mora em ti
Não quero você
Quero o cheiro que vem da tua pele
Não quero você
Quero o gosto da tua boca
Não quero você
Quero o toque da tua mão
Não quero você
Quero o sal do teu suor
Basta!
Não sou menininha
Não sou boazinha
Sou ambiciosa
Ajo premeditadamente
Planejo cada próximo ato
Cada próximo passo
Sou interesseira
E meu maior interesse
É explodir de prazer em teus braços.


Só o que eu quero é você inteiro em mim e eu completa em ti!

9 comentários:

  1. Imagem, título e texto perfeitos.
    Adorei!
    Um beijo grande.

    ResponderExcluir
  2. ... poesia intimista e sensual! Lindo! Um beijo, LÜ...

    ResponderExcluir
  3. Hola amiga Valeria un hermoso poema me encanto el final.
    Besos que tengas un hermoso fin de semana.

    ResponderExcluir
  4. quando se quer e se tem, que mais desejar
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Bom dia,Valeria!

    Nossa!!Intenso e sensual...
    Linda poesia!
    Beijos.
    Bom domingo!

    ResponderExcluir
  6. Muito lindo... o desejo abertamente revelado...
    Beijinhos e bom domingo...
    Valéria

    ResponderExcluir
  7. Nossa, vc conseguiu passar uma forma de querer muito forte...parabéns.

    beijos...Mariz

    ResponderExcluir