quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Circo


O palco
O drama
A platéia.


Ora aplausos
Ora vaias
Sempre crítica


O palco
O drama
A platéia


Os personagens?
- Todos!


Aplaudidos ou aplaudindo
Vaiados ou vaiando...
Sempre criticados


Mudam-se as posições
Mas o drama continua!


Aos seus lugares, por favor.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Espetáculo



As nuvens se vestem
De um vermelho discreto
Enquanto o céu, languidamente,
Debruça-se sobre a noite que cai.

domingo, 23 de janeiro de 2011

Penitência



Despeço-me da saudade
Minha saudade de ti
É pecadora
Esvazio-me, então
Do sonho
De ti
De nós


Não quero mais pecar.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

analogia

Adoro laranja
Descasco-as salivando
Corto em pequenos pedaços
E saboreio cada um como se fosse único.



Um dia me disseram que beijar era como chupar laranja.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Luto

Sem palavras possíveis,
com toda perplexidade
com o coração represando lágrimas:

"Eia Sus", Teresópolis!

sábado, 8 de janeiro de 2011

Discreto

Imagem: Delicado equilíbrio,de Teresa Cristina Carneiro



Entro no eixo da razão
Cores neutras
Sensatez
Equilíbrio .

Tudo certo:
Somo dois mais dois
E não encontro nada!

domingo, 2 de janeiro de 2011

Mudez


Faltam-me palavras
De todas que conheço
Nenhuma me serve
Olham para mim
Zombam de mim
Brincam com minha ansiedade
Todas elas caladas
Inexpressivas
Congeladas
Quero apenas uma
Uma que expresse
O sentimento
Deste fim de domingo
Apenas uma
Inteira ou meia
Só pra traduzir
A poesia deste momento
Mas, cadê?